Música K-Pop está provocando o retorno dos CDs, LPs e fitas cassetes

O estrondoso sucesso do K-pop na Coreia do Sul está impedindo a morte dos CDs, dos LPs e das fitas cassetes. Desde o início dos anos 2000, o CD como formato de distribuição de música estava cada vez mais sendo substituído por outros formatos de armazenamento e distribuição digital, como streaming na Internet. Invertendo o declínio, no entanto, as vendas de álbuns físicos – principalmente CDs, mas também fitas cassete e LPs  – registraram um crescimento dramático nos últimos anos desde 2014 na Coreia do Sul. Em 2017, as vendas combinadas dos 400 principais discos de música nos formatos físicos de álbuns chegaram a 16,93 milhões de cópias, um aumento de 56,6% em relação ao ano anterior, segundo a Korea Music Content Association. 

O valor correspondente chegou a 22,82 milhões no ano seguinte, ultrapassando a marca de 20 milhões pela primeira vez desde que a associação começou a compilar os dados em 2011. Este ano, o número também deve subir, com vendas de 20,97 milhões de cópias registradas desde o início de 2019 até 26 de outubro. Por trás de uma expansão tão incomum está o poder cada vez mais intensivo da indústria do K-pop e e a iniciativa de fãs entusiasmados desse estilo de música coreano, bem como estratégias sofisticadas de marketing de distribuidores de música. 

De acordo com a tabela de álbuns do Gaon, operada pela Korea Music Content Association, a banda coreana BTS tornou-se novamente a campeã de vendas, com seu último álbum “Map of the Soul: Persona”, tendo vendido mais de 3 milhões de cópias a partir de 1º de novembro do ano passado, tornando-se uma grande força motriz para as vendas de discos físicos ao longo de 2019. Fãs ávidos freqüentemente juntam forças para estimular a venda de álbuns de seus ídolos, a fim de aumentar o desempenho das paradas e lançar as estrelas na vanguarda da cena altamente competitiva do K-pop. 

No final de julho de 2019, a comunidade de fãs de Kang Daniel, um ex-membro da fenomenal banda de rapazes Wanna One, lançou um evento de arrecadação de fundos para incentivar a venda do álbum solo “Color On Me”. O fã-clube comprou cerca de 10 mil cópias do CD com o fundo de US$ 154.202 que arrecadou e doou os CDs de música ao banco de sangue da cidade de Busan, pertencente à Cruz Vermelha Coreana, sob o nome de Kang. Os distribuidores de álbuns de música, por sua vez, estão criando truques de marketing para atrair fãs de grupos de ídolos do K-pop. Há dois meses, quando a banda Seventeen lançou seu terceiro álbum, o “An Ode” -, O CD veio em cinco versões diferentes, uma estratégia destinada a fazer com que os fãs comprassem todas as versões diferentes do mesmo álbum.

Cartões raros de fotos de estrelas do K-pop ou bilhetes de loteria destinados a eventos de reunião de fãs são frequentemente inseridos nos álbuns de CDs do dos grupos K-pop para estimular os fãs a comprar várias cópias do mesmo disco. O crescimento acentuado ocorre, no entanto, apesar do contínuo declínio dos CDs como um formato real de escuta musical. Em uma pesquisa com cerca de 6.000 ouvintes de música no ano passado, realizada pela associação, 41% disseram que compram álbuns físicos por causa de fotos e outros anexos que acompanham os CDs de música. Apenas sete por cento disseram que compram CDs ou outros álbuns físicos para realmente escutá-los.

*Correiodopovo

Nova música do Gusttavo Lima, “Carreira Solo”, é contagiante!

Gusttavo Lima apresentou hoje, 01, mais uma música do projeto “O Embaixador in Cariri”, gravado em julho, no Ceará.

Gusttavo gravou 15 faixas inéditas, além dos sucessos de carreira. As divulgações estão sendo feitas por etapa e nessa sengunda parte serão disponibilizadas quatro músicas.

“Carreira Solo”, não fala de sofrimento não, a letra afirma que é possível estar solteiro e bem acompanhado.

“Gosto demais dessa música e tem uma levada bem contagiante”, diz o cantor.

Confira “Carreira Solo“:

Serão também disponibilizadas no canal oficial do artista as faixas: “Online”, “Chora Até Perder a Fala” e “Até a Garrafa Chora”.

*Kboing

Anitta confirma parceria musical com Marília Mendonça!

Após muitas especulações e divulgação do novo single a parceria para essa explosão foi divulgada!

Anitta anunciou que a coloboração será com a rainha da sofrência, Marília Mendonça.

A confirmação veio em forma de um vídeo bem humorado e muito divertido em seu Instagram. A data para o lançamento da canção não foi divulgada ainda.

Confira o post:
 

*Kboing

Marília Mendonça desabafa sobre shows gratuitos: ‘É feito todo de boas intenções’

Marília Mendonça comentou em seu perfil no Twitter sobre os shows do projeto “Todos os Cantos”, com apresentações ao vivo e sem cobrar ingressos, realizadas em capitais pelo Brasil.

“O projeto ‘Todos os cantos’ é feito todo de boas intenções, pena que não é valorizado por quem mais deveria valorizar: os próprios líderes da cidade e de estado que tem sua casa exposta e valorizada pro mundo todo e SEM INCENTIVOZINHO, hein? difícil!”, escreveu. Os shows precisam de autorização dos órgãos de seguranças e autoridades locais.

“Se estivéssemos pedindo dinheiro, eu entenderia. agora: ei, quero valorizar o turismo na sua cidade, trazendo um show grátis pra sua população, posso? porta na cara! não fazem e não deixam q façam! ok.. aqui a luta não para”, completou.

Problemas em Belo Horizonte

A recusa relatada pela cantora vem depois de um evento do projeto em Belo Horizonte, no começo deste mês. O show reuniu milhares de pessoas em 7 de outubro e teve brigas, lesões corporais e arrastões registrados pela PM.

“Marília lamenta profundamente os fatos relatados e reforça que o projeto é uma maneira de retribuir ao seu público, através do show gratuito, o carinho que recebe dos fãs”, disse a produção da cantora, por meio de comunicado oficial.

O projeto “Todos os Cantos” tem shows surpresa que começaram em agosto de 2018, em Belém. Em cada cidade que visita, ela grava o clipe de uma música nova, lançada depois como single. A intenção é se apresentar em todas as capitais. Faltam nove delas.

*G1

Ministro da Educação faz piada com Anitta e ironiza qualidade do funk: “Pode deixar surdo”

Três dias após Anitta subir no palco Mundo do Rock in Rio, a cantora virou alvo de piada por parte do ministro da Educação, Abraham Weintraub. Na manhã desta terça-feira (8), o titular do MEC foi às redes sociais para comentar a notícia sobre o lançamento de uma bebida relacionada ao funk e aproveitou para deixar sua opinião sobre o gênero musical.

A bebida, batizada de Skol Beats 150BPM, foi divulgada em primeira mão pela cantora em seu Instagram. A ação foi capitaneada pela cantora carioca, que recentemente anunciou ter se sido contratada como “Head de Criatividade” pela Ambev para coordenar as ações em especial da marca Skol Beats. 

Em suas redes sociais, o ministro ironizou a novidade (e explicou a ironia): 

Abraham Weintraub@AbrahamWeint

😁

Bebida inspirada no Funk tem METANOL na composição: pode deixar surdo, cegar e no limite matar o usuário …

Ver imagem no Twitter

4.61306:45 – 8 de out de 2019Informações e privacidade no Twitter Ads1.354 pessoas estão falando sobre isso

A novidade sobre a nova função junto à Ambev foi apresentada pela cantora Anitta em sua conta no Instagram. 

“Quem me acompanha sabe que além de cantar eu também amo ser business woman. Minha paixão louca por @skolbeats fez com que minha relação com o grupo Ambev se tornasse muito mais que ser garota propaganda de um dos seus produtos. Acabo de ser contratada como Head de Criatividade e Inovação do selo BEATS”, escreveu. 

*Zerohora

Rock in Rio registra público de 700 mil pessoas

Encerrado no último domingo, o Rock in Rio 2019 alcançou público de 700 mil pessoas, somados os sete dias do evento. É o terceiro maior número da história do festival, perdendo apenas para as edições de 2001 e 1985 e empatando com as de 2017 e 2011. A área do festival também aumentou.

A Cidade do Rock contou, nesta edição, com 385 mil metros quadrados – 60 mil a mais do que a de 2017. No total, havia 17 áreas e nove palcos. A programação somou 300 horas de música.

Em números absolutos, a maior edição da história foi a clássica 1985: 1,3 milhão de pessoas compareceram ao evento. O número, no entanto, soma 10 dias de festival – hoje, o padrão é de 7 dias.

Considerando a média de público por dia, a maior edição foi a de 2001, que levou 176 mil pessoas diariamente à Cidade do Rock. Em segundo lugar vem a edição de 1985, seguida por 2017 e 2011, em empate técnico, com 100 mil pessoas por dia, e a de 2018, com o mesmo número. 

*Correiodopovo

As 15 melhores músicas de Luan Santana

O meteoro da paixão, que ganhou o Brasil com seu talento e carisma, tem hoje muitos fãs espalhados por aí. Estamos falando de Luan Santana, o cantor, compositor e apresentador de 28 anos que, desde o começo de sua carreira, só lança hit atrás de hit.

Um dos maiores talentos do sertanejo universitárioLuan conta com cerca de 10 álbuns e muitas parcerias, tanto nacionais quanto internacionais. O menino é poderoso, viu? 

Claro que não dá para falar de Luan Santana sem trazer os sucessos que dominam os corações por aí. Por isso, fizemos uma lista com as melhores músicas do nosso ídolo. Prepara o fone e dá o play em:

  • Dia, Lugar e Hora
  • Te Vivo
  • Incondicional
  • Fantasma (part. Marília Mendonça)
  • Um Beijo
  • Cê Topa?
  • Meteoro
  • Acordando o Prédio
  • Você Não Sabe o Que É Amor
  • Hoje Não (part. Thaeme e Thiago)
  • Tudo Que Você Quiser
  • Te Esperando
  • Sofazinho (part. Jorge e Mateus)
  • Sinais
  • quando a bad bater

As melhores músicas de Luan Santana

Essa lista navega por toda a carreira de Luan, desde quando ele era o adolescente novinho com suas canções de amor, até o grande cantor que é hoje em dia. Vem com a gente!

Dia, Lugar e Hora

O álbum 1977 tem a canção perfeita para quando destinos se entrelaçam. Para Luan, se é pra acontecer, nada mais importa! Tem Dia, Lugar e Hora para tudo começar.

Te Vivo

Uma das letras mais lindas de Luan, Te Vivo conta com um clipe emocionante (já estamos enxugando as lágrimas 🤧) sobre amor de outras vidas.

Incondicional

Direto do túnel do tempo, Incondicional é intensa e fofa, do jeitinho que Luan era na época de seu lançamento. Olha que coisa mais fofa esse clipe 😍

Fantasma (part. Marília Mendonça)

Marília Mendonça e Luan Santana: não tinha como essa combinação não resultar em uma canção incrível. Nesse caso temos Fantasma, nossa razão para ser feliz.

Um Beijo

É impossível negar: Um Beijo vale mais que mil palavras! Haja nervosismo e ansiedade para qualquer declaração de amor. Talvez a solução seja mandar aquele beijão.

Cê Topa?

Um cláaaassico dos casais brasileiros. Quem nunca se declarou dizendo eu, você, dois filhos e um cachorro? Não dá pra negar, Cê Topa é a melhor forma de chegar no crush. Irrecusável!

Meteoro

TE DEI O SOL, TE DEI O MAR… Completa com a gente! Meteoro foi o primeiro sucesso da carreira do cantor e é uma das canções mais inesquecíveis da história do sertanejo. Como é bom poder te amar, Luan!

Acordando o Prédio

Agora numa vibe totalmente dançante, com direito até a Whindersson Nunes mandando seu passinho, temos o clipe de Acordando o Prédio, que combina demais com a música! 

Você Não Sabe o Que é Amor

Não use mais o plural! Pode ir, tudo bem, você não sabe o que é gostar de alguém… Você Não Sabe o Que é Amoré a música para terminar aquele relacionamento nada equilibrado. 😳

Hoje Não (part. Thaeme e Thiago)

Sucesso das baladas de anos atrás, a parceria com Thaeme e Thiago, Hoje Não, é uma daquelas sobre superações bem poderosas.

Tudo Que Você Quiser

Tudo Que Você Quiser é uma declaração de amor daquelas apaixonadas. Ouvir essa letra cantada pelo Luan é pra tremer na base e chorar de emoção, hein?!

Te Esperando

Amor que é amor independe de época, de momento, de fase e de vivência. Te Esperando é a prova que não importa o que aconteça, o amor vai sempre esperar. 

Separa o lenço de novo que o clipe também é emocionante…

Sofazinho (part. Jorge e Mateus)

Um dos últimos sucessos de Luan e de Jorge & Mateus, Sofazinho é quase um relato de muito casal por aí… 😜

Sinais

Sinaisé um dos sucessos mais antigos de Luan. Que saudade dessa época, né não? Sinais me mostraram o caminho até você, vaga-lumes guiam-me sem perceber…

quando a bad bater

Último lançamento do moço, quando a bad bater deixa claro que tem momentos que não há como superar o que acabou.

Um pouco mais sobre Luan Santana

Luan Rafael Domingos Santana é natural de Campo Grande, Mato Grosso do Sul e hoje tem 28 anos. Incentivado pelo pai, aprendeu a tocar violão logo cedo, quando ainda criança.

Luan Santana quando criança
Luan Santana quando criança / Créditos: Divulgação

Com grande apoio familiar, Luan experimentou a carreira musical desde a infância. Porém, tudo realmente começou lá em 2009, com o lançamento do seu primeiro álbum: Tô de Cara

Por meio dele, o Brasil enfim conheceu o meteoro da paixão e deu o sol e o mar para ganhar mais de Luan. Com seus próximos álbuns lançados, o cantor trouxe hits como IncondicionalNega e Você de Mim Não Sai, conquistando os primeiros lugares das paradas da Billboard e indicações ao Grammy Latino.

Daí em diante, foi só evolução. Conhecemos a era apaixonada e romântica em Tudo Que Você Quiser Cê Topa?; depois, veio uma super homenagem às mulheres no álbum 1977, que conta com parcerias incríveis como Marília Mendonça, Ivete Sangalo, Sandy e Anitta.

Se que saber mais sobre tudo de bom e de melhor que Luanzinho já fez nessa vida, não deixe de conferir sua biografia completa. Haja trajetória pra contar!

*letras.mus

Zé Ramalho festeja 70 anos com álbum que apresenta gravação inédita de show feito em 1979

Zé Ramalho faz 70 anos em 3 de outubro. Na data, o cantor, compositor e músico paraibano lança mais um álbum com registros ao vivo de shows feitos na década de 1970.

Desta vez, Ramalho apresenta a inédita gravação do show de lançamento do segundo álbum do artista, A peleja do diabo com o dono do céu (1979), lançado há 40 anos.

O show estreou na cidade de São Paulo (SP), no segundo semestre de 1979, mas o registro ao vivo perpetuado no álbum – que sai simultaneamente em CD e em edição digital – foi captado em dezembro daquele ano, em apresentação feita pelo cantor no Cine-Show Madureira, então um badalado local de shows do subúrbio da cidade do Rio de Janeiro (RJ).

A gravação transformada em disco é oriunda do acervo pessoal do próprio Zé Ramalho.

*G1

Marília Mendonça lança em outubro single gravado com Simone & Simaria

Marília Mendonça quer estar presente em todos os cantos musicais. Mal apresentou incursão sutil pelo universo do hip hop em Conspiração, música gravada com a banda brasiliense Tribo da Periferia e lançada em 20 de setembro, a cantora volta ao mercado fonográfico na próxima terça-feira, 1º de outubro, com single gravado com Simone & Simaria a convite da dupla sertaneja.

A música cantada pelo trio se chama O que é, o que é. Apesar de O que é, o que é ter o mesmo título do samba composto por Gonzaguinha (1945 – 1991) e lançado em 1982, a música é inédita e tem – entre os autores – Tierry Coringa, compositor que já tem canções gravadas por astros sertanejos como Luan Santana.

Simultaneamente com o single O que é, o que é, Marília Mendonça e Simone & Simaria lançarão o clipe da música, gravado em 12 de agosto, na cidade de São Paulo (SP).

*g1

Kevinho fala sobre ‘fora’ em Anitta: “sou lerdo para essas coisas”

Quarta, dia 18, aconteceu a festa de aniversário do cantor Kevinho. O músico comemorou seus 21 aninhos com uma mega festa em uma casa noturna, em São paulo.

O pessoal do TV Fama estava fazendo a cobertura do evento e durante o bate-papo a jornalista falou da sua apresentação no Rock in Rio e lembrou o cantor que será na mesma data que Anitta.

Por falar em Anitta,  ela relembrou um comentário que a funkeira fez em seu programa na Multishow – “Anitta Entrou No grupo”, que levou um toco do Kevinho.

“Não me liguei. sou lerdo para essas coisas. Ela fala que sim [que deu em cima], mas ela brinca só. Ela é muito minha amiga. É amiga. Juro”, contou o funkeiro em meio a risadas envergonhadas.

Confira abaixo:

*Terra